back to top

Uma Boa Ordem

2019

 

Lúcia Koch e Héctor Zamora

 

Instalação permanente nos jardins da Fundación Casa Wabi, México

 

Uma boa ordem é obra da colaboração entre os artistas Lucia Koch e Hector Zamora, apresentada pela primeira vez em 2006 durante a 27ª edição da Bienal de São Paulo.

Nesta reconfiguração, os artistas propõem um pavilhão aberto para os jardins da Fundação Casa Wabi, projeto do arquiteto japonês Tadao Ando. Neste jardim estão instalados também pavilhões de Álvaro Siza, Kengo Kuma, Solano Benitez e do próprio Tadao Ando.

São cinco muros levantados com tijolos de construção feitos de barro e modificados em uma variação de ângulos (9o, 18o e 24o), paredes curvas e vazadas que se integram a vegetação ao redor. Esta intervenção traça os limites do espaço, oscila entre a transparência e a opacidade, entre o aberto e o fechado, para percorrer e atravessar. Os muros operam como aparatos de comunicação entre duas ou mais pessoas, aproximando-as quando parecem separa-las.

2019

Like